Tamanho do texto

São Paulo, 12 - Mesmo com a forte alta de preço registrada pelo etanol no final de 2009 e início de 2010, os números finais da safra 2009/2010 na região centro-sul do País, divulgados hoje pela União da Indústria de Cana-de-açúcar (Unica) revelam que as vendas de etanol cresceram na safra que terminou em março passado, assim como a produção de hidratado. Segundo a Unica, as vendas acumuladas de etanol de abril/2009 até março/2010 totalizaram 25,10 bilhões de litros, volume 1,36% superior ao observado no ano anterior.

São Paulo, 12 - Mesmo com a forte alta de preço registrada pelo etanol no final de 2009 e início de 2010, os números finais da safra 2009/2010 na região centro-sul do País, divulgados hoje pela União da Indústria de Cana-de-açúcar (Unica) revelam que as vendas de etanol cresceram na safra que terminou em março passado, assim como a produção de hidratado. Segundo a Unica, as vendas acumuladas de etanol de abril/2009 até março/2010 totalizaram 25,10 bilhões de litros, volume 1,36% superior ao observado no ano anterior. Desse total, 2,76 bilhões foram destinados ao mercado externo e 22,34 ao mercado doméstico, sendo 6,02 bilhões de etanol anidro e 16,32 de etanol hidratado. Enquanto as exportações tiveram uma redução de 34,41%, as vendas no mercado interno cresceram 11,43%, sendo 1,88% para o etanol anidro e 11,43% para o etanol hidratado, dos quais mais de 95% deste último foram utilizados nos veículos flex. Nos números da safra 2009/10, a produção de etanol caiu 5,62% para 23,68 bilhões de litros. Deste total de etanol, a produção de hidratado ficou em 17,5 bilhões de litros, alta de 3,76%. Já a produção de anidro caiu 24,79% para 6,2 bilhões de litros. A queda na produção de anidro, que é misturado a gasolina, caiu em função da própria redução do uso de gasolina nos tanques flex. Os dados também mostram um crescimento de 7,32% da moagem de cana-de-açúcar em relação à safra 2008/2009, com 541,94 milhões de toneladas computadas entre o início da safra 2009/10 e 31 de março de 2010. No período, a produção de açúcar cresceu 7,07% para 28,64 milhões de toneladas. Do total de cana processada na safra 2009/2010, 42,59% foi destinada à produção de açúcar e 57,41% para o etanol. A quantidade de Açúcares Totais Recuperáveis (ATR) por tonelada de cana na safra 2009/2010 terminou em 130,25 quilos, 7,55% inferior ao valor observado no ano anterior.
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.