Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Apec: crise mundial será superada em 18 meses

Líderes das economias da Ásia-Pacífico, responsáveis por quase 60% da Produto Interno Bruto (PIB) do mundo, expressaram hoje a convicção de que a atual crise financeira mundial será superada em 18 meses. Reunidos em Lima, no Peru, os líderes dos 21 países que integram a Cooperação Econômica Ásia-Pacífico (Apec, na sigla em inglês), entre os quais estão Estados Unidos, Japão, China, Rússia e México, disseram que estão adotando ações extraordinárias para fortalecer suas economias.

Agência Estado |

Este foi o pronunciamento mais específico sobre um data provável para acabar com a crise devasta o sistema financeiro mundial, especialmente nos países mais ricos. O Fundo Monetário Internacional (FMI) havia calculado, de maneira vaga, que a crise irá durar até a segunda metade de 2010, após um ano de recessão econômica mundial em 2009, no qual as economias mais desenvolvidas crescerão apenas 0,1%.

"Estamos convencidos de que poderemos superar esta crise em um período de 18 meses", disseram os líderes, em uma declaração emitida na conclusão da cúpula da Apec. Um segundo comunicado será divulgado mais tarde pelos governos dos países participantes. Diversos líderes, como o mexicano Felipe Calderón e o neozelandês John Key, abordaram a turbulência econômica e financeira durante seus discursos em uma reunião de executivos ligados ao encontro de líderes. Com informações da Dow Jones.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG