Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Anunciada redução de subsídios e aumento de tarifas energéticas na Argentina

Buenos Aires, 31 out (EFE).- O Governo argentino anunciou hoje uma redução de subsídios para as empresas de geração de eletricidade que trará aumentos tarifários para grandes consumidores de energia residenciais, comerciais e industriais.

EFE |

A medida, que vale de maneira retroativa desde o dia 1º de outubro, implicará uma diminuição de despesas estatais de 807 milhões de pesos (cerca de US$ 238 milhões), disse o ministro do Planejamento, Julio de Vido.

O ministro detalhou que não foram alcançados pela redução de subsídios "92%" dos 9,5 milhões de usuários residenciais, assim como "96% dos comércios e 98% das indústrias".

Segundo De Vido, a resolução afeta os "clientes de maior consumo e poder aquisitivo", que no caso dos usuários residenciais representam "8% que consome 18% do total da energia".

"Com as medidas hoje anunciadas estamos sendo justos, promovendo a redistribuição da renda. Isto nos permitirá elevar o nível de vida do povo e escorar o crescimento da economia", sustentou antes de destacar que "92% dos usuários continua sendo subsidiado". EFE hd/ma

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG