A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) informou hoje em comunicado que o poço 2-ANP-1-RJS comprovou a presença de óleo leve nos reservatórios do pré-sal na área norte da Bacia de Santos. Em seu comunicado, a ANP informou que o poço 2-ANP-1-RJS localiza-se em área da União à nordeste da descoberta informalmente denominada "Iara", proveniente do bloco BM-S11.

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) informou hoje em comunicado que o poço 2-ANP-1-RJS comprovou a presença de óleo leve nos reservatórios do pré-sal na área norte da Bacia de Santos. Em seu comunicado, a ANP informou que o poço 2-ANP-1-RJS localiza-se em área da União à nordeste da descoberta informalmente denominada "Iara", proveniente do bloco BM-S11.

Ainda segundo informações da agência, a perfuração está a cargo da Petrobras, a partir de autorização da ANP. Sua localização é de aproximadamente 195 quilômetros da costa do Rio de Janeiro, em lâmina d'água de 1889 metros. A ANP informou que a descoberta foi comprovada a partir de amostragem de óleo leve (cerca de 28º API) por "teste a cabo, em espessa coluna portadora de hidrocarbonetos nos reservatórios carbonáticos do pré-sal a partir de 5400 metros de profundidade", de acordo com o comunicado.

A Agência comunicou ainda que o poço encontra-se em perfuração, com o objetivo de investigar as características geológicas das camadas mais profundas, com a perspectiva de atingir a profundidade de 6.425 metros.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.