Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Aneel rejeita recurso contra consórcio vencedor de Jirau

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) rejeitou o recurso administrativo apresentado pelo consórcio Jirau Energia (liderado por Furnas e Odebrecht) contra o consórcio Energia Sustentável do Brasil (liderado pela Suez), vencedor do leilão da usina hidrelétrica de Jirau, no Rio Madeira, em Rondônia. O recurso questionava supostos problemas na documentação apresentada pelo consórcio vencedor.

Agência Estado |

Não se tratava, portanto, de um questionamento sobre a proposta da Suez de alterar em nove quilômetros o local de construção da usina.

Ao todo, o grupo da Odebrecht apresentou sete argumentos que apontavam supostas falhas de procedimentos dos documentos. Todos foram negados pela Aneel. O relator do processo na Aneel, o diretor Edivaldo Santana, disse que não cabem mais recursos na esfera administrativa para esta questão.

Segundo informaram fontes à Agência Estado, o consórcio da Odebrecht não deverá levar à Justiça esses questionamentos de documentos. Segundo as fontes, o grupo deve aguardar a decisão do Aneel e do Ibama sobra questão a principal - que é o local da usina - para então decidir se entrará na Justiça.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG