A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou hoje o edital do leilão de energia nova, marcado para o dia 28 de agosto. Na ocasião, serão negociados contratos para venda de energia a partir de 2013 (o chamado leilão A-5).

A Aneel aprovou também os preços-teto sugeridos pelo governo para o leilão, de R$ 146 por megawatt hora (MWh) para a energia a ser produzida por termelétricas e de R$ 123 por MWh para as hidrelétricas.

A Aneel irá colocar igualmente em disputa, no leilão, as concessões à iniciativa privada de três novos projetos de hidrelétricas: Barra do Pomba, com capacidade de 80 megawatts (MW), Cambuci (50MW) - ambas no Rio de Janeiro - e Baixo Iguaçu (350MW), no Paraná.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.