Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Anbid: financiamentos a cias serão alongados a partir do 2tri09

As empresas brasileiras ainda irão se deparar com prazos curtos nos mercado de capitais brasileiros nos primeiros meses de 2009, mas a tendência é de alongamento a partir do segundo trimestre do ano, segundo expectativa de Alberto Kiraly, vice-presidente da Associação Nacional de Bancos de Investimentos (Anbid). Essas operações mais longas começarão a ser levadas ao mercado e os prazos vão paulatinamente se alongando, afirmou.

Agência Estado |

A crise financeira global dificultou a colocação de prazos mais longos. Dados da Anbid mostram que o volume de emissões de debêntures caiu 50,7% até novembro em relação ao mesmo período do ano passado, para R$ 21,459 bilhões. Já as emissões de notas promissórios cresceram 110,6%, para R$ 19,6 bilhões. As notas têm prazo entre 180 dias e 360 dias.

Para Kiraly, as operações de renda fixa voltarão ao normal, com a recuperação dos prazos, já no primeiro semestre do ano. O mesmo não deve ocorrer com a renda variável, em que talvez só no segundo semestre se registre alguma operação. Nesse ano foram realizadas 15 operações de renda variável, que somaram R$ 34,882 bilhões. No mesmo período do ano passado o volume chegou a R$ 136,457 bilhões.


O vice-presidente da Anbid acredita ainda que o mercado interno irá atender uma parcela dos recursos que anteriormente as empresas buscavam no exterior.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG