Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Anatel: 2008 já é o melhor ano para telefonia celular

O mercado de telefonia móvel registrou em outubro 4,007 milhões de novas habilitações, o que representa o terceiro melhor desempenho desde a implementação da telefonia celular no País, em 1990. Segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), o resultado só perde para os meses de dezembro de 2007 (4,666 milhões de novas linhas) e dezembro de 2004 (4,416 milhões).

Agência Estado |

Com isso, o Brasil atingiu, no mês passado, 144,795 milhões de assinantes do Serviço Móvel Pessoal (SMP), dos quais 81,24% usam o sistema pré-pago, conforme dados consolidados divulgados hoje.

De acordo com a Anatel, no acumulado do ano de janeiro a outubro, foram registradas 23,815 milhões de novas adesões do SMP, o que levou a carteira total de clientes a crescer 19,68% no período. O número de novas adesões nestes dez meses de 2008 é 13,08% superior aos novos acessos habilitados em todo o ano de 2007, "o que torna 2008 o melhor ano na telefonia celular", conforme expressou a Anatel, em nota oficial.

Considerando apenas outubro, comparativamente a setembro, a base de clientes de telefonia móvel ficou 2,8% maior no mês passado. Já em relação a outubro do ano passado, quando os usuários de telefonia celular somavam 116,313 milhões, o crescimento é de 26,24%.

Estados

A teledensidade, indicador utilizado internacionalmente para demonstrar o número de telefones em serviço a cada grupo de 100 habitantes, atingiu a marca de 75,24% em outubro. Um ano antes, este índice era de 60,42%.

O Distrito Federal é o local com maior número de linhas de telefone celular, exibindo uma teledensidade de 131,65%. O Rio de Janeiro, segundo colocado no ranking, mostra 93,54%. Em terceiro lugar vem o Mato Grosso do Sul, com teledensidade de 90,83%.

Os maiores crescimentos da teledensidade em outubro foram registrados nos Estados de São Paulo, Ceará, Pernambuco, Piauí e Espírito Santo. Quando observados os avanços até outubro no ano e nos últimos 12 meses, o destaque fica com Estados do Nordeste e do Norte.

Na classificação por regiões, conforme os dados consolidados da Anatel, a região Centro-Oeste lidera, com 91,47% de teledensidade. Depois vem o Sudeste (84,56%), Sul (79,75%),
Nordeste (59,88%) e Norte ( 56,12%).

Empresas

A Oi foi a única operadora de telefonia móvel a ganhar participação de mercado em outubro, saindo de 15,53% em setembro para 16,21%, embora siga na quarta colocação do ranking elaborado pela Anatel.

A Vivo continua no topo, apesar do recuou em outubro para 29,74% de participação no mercado, contra 30,03% indicados em setembro. Na seqüência está a Claro, cuja presença no mercado de celulares ficou praticamente estável entre setembro (25,33%) e outubro (25,31%).

Na terceira posição vem a TIM, com 24,70% dos assinantes do SMP em outubro. Em setembro, a operadora tinha 25,02% do mercado. Depois da Oi, a BrT Móvel aparece na quinta posição, com 3,67% - contra uma fatia de 3,73% registrada em setembro.

Tecnologias

A tecnologia GSM continua em expansão e na liderança do mercado, com 127,419 milhões de acessos (88% do total). A tecnologia CDMA tem 14,020 milhões de habilitações (9,68%) e a TDMA, 1,882 milhão (1,3%). A tecnologia analógica AMPS possui apenas 12,3 mil pontos de acesso (0,01%).

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG