Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Amorim confirma que buscará acordo para Doha na assembléia da ONU

Rio, 03 - O ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, disse que antes da Assembléia Geral das Nações Unidas, nos dias 22 e 23 de setembro, deverá haver contatos referentes à negociação para tentar concluir a Rodada de Doha da Organização Mundial do Comércio (OMC). Ontem, o assessor especial da Presidência da República para Assuntos Internacionais, Marco Aurélio Garcia, disse que o governo brasileiro pretendia aproveitar a presença de vários líderes mundiais na reunião da ONU para buscar a retomada das negociações e tentar um acordo de princípios.

Agência Estado |

Hoje, Amorim comentou sobre a Assembléia Geral da ONU que "negociar ali não é o melhor ambiente". O ministro voltou a mostrar esperança de que a negociação seja concluída em breve, mas repetiu que se isso não for possível, levará no mínimo de dois a três anos para se chegar a um acordo. "A Rodada de Doha está em aberto. Tem uma brecha. É nossa obrigação lutar por ela", afirmou. Amorim participou do Fórum Especial promovido pelo ex-ministro do Planejamento João Paulo dos Reis Velloso no prédio do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG