Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Aluguel residencial em SP sobe 0,4% em fevereiro

Os aluguéis residenciais na cidade de São Paulo, nos contratos com aniversário em fevereiro, subiram 0,4% em relação a janeiro. É a 14ª elevação mensal seguida, medida pela Pesquisa de Valores de Locação Residencial, do Sindicato da Habitação (Secovi-SP).

Agência Estado |

A alta foi menor que a da inflação oficial do Brasil, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), do IBGE, de 0,78% no mês.

Entre os imóveis pesquisados, os que apresentaram maior alta mensal nos preços foram os de um dormitório, com acréscimo de 1%. Na avaliação dos analistas do Secovi-SP, o movimento atípico foi puxado pelas regiões central e leste da cidade. As moradias de dois quartos não tiveram aumento no aluguel. Já as de três dormitórios sofreram alta de 0,2%, puxada pelas regiões sul e leste da capital.

O tipo de garantia mais usado nas locações residenciais foi o fiador, em metade dos imóveis alugados (51%). O depósito ou caução em dinheiro foi usado em 29% dos contratos, enquanto o seguro-fiança garantiu aluguéis em 20% dos casos. Os imóveis vagos que foram alugados mais rapidamente, entre 10 e 26 dias, foram as casas e sobrados. Os apartamentos foram locados em média entre 16 e 34 dias depois de ofertados.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG