Alta das exportações do Japão perde força em agosto

Por Kaori Kaneko

TÓQUIO (Reuters) - O crescimento anual das exportações do Japão desacelerou pelo sexto mês seguido em agosto, em um sinal de que a valorização do iene e a moderada demanda externa podem prejudicar a recuperação do país.

A alta de 15,8 por cento das exportações em agosto sobre igual mês de 2009 ficou abaixo da previsão do mercado de 19 por cento.

As vendas para os Estados Unidos subiram 8,8 por cento na comparação anual, bem abaixo dos 25,9 por cento do mês anterior, segundo dados do governo divulgados nesta segunda-feira.

As exportações para a Ásia avançaram 18,6 por cento contra agosto do ano passado, ante 23,8 por cento no mês anterior. As vendas para a China tiveram aumento de 18,5 por cento, abaixo dos 22,7 por cento de julho.

A balança comercial registrou um superávit de 103,2 bilhões de ienes (1,23 bilhões de dólares), uma queda de 37,5 por cento sobre agosto do ano passado. Foi o primeiro declínio em 15 meses.

Analistas previam um saldo de 238,4 bilhões de ienes e uma alta de 44,3 por cento.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.