Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Alcatel-Luncent reduz perdas trimestrais em 88,4%

Paris, 30 out (EFE).- A Alcatel-Luncent anunciou hoje perdas líquidas de 40 milhões de euros no terceiro trimestre deste ano, uma queda de 88,4% em relação aos 345 milhões de euros no mesmo período de 2007, e confirmou seus objetivos para 2008.

EFE |

O grupo franco-americano de telecomunicações obteve um resultado líquido ajustado -sem contar elementos excepcionais- de 41 milhões de euros positivos, depois dos 258 milhões de euros de perdas que teve entre julho e setembro de 2007.

O resultado de exploração no terceiro trimestre do ano foi negativo (-85 milhões de euros), o que incluía 125 milhões de euros de impacto da absorção da Lucent pela Alcatel.

À margem desses elementos excepcionais, o resultado de exploração ajustado foi de 40 milhões de euros, 42,9% inferior ao mesmo período do ano anterior e 57% a menos do que no trimestre precedente.

Apesar do "difícil" ambiente macroeconômico, a empresa confirmou seus objetivos para o conjunto do ano, entre eles uma queda do faturamento de 2% a 5%.

Segundo as previsões de Alcatel-Luncent, a margem bruta de exploração oscilará entre 34% e 36% e a margem de exploração ajustado se movimentará entre 2% e 5%.

O grupo evocou também uma "eventual cessão" de sua participação do 20,8% na Thales, pois considera que é possível manter sua relação uma ligação capitalista com a sociedade", embora tenha acrescentado que "examina todas as opções estratégicas possíveis".

O faturamento bruto do grupo no terceiro trimestre do ano alcançou os 4,065 bilhões de euros, 0,9% a menos do que no segundo trimestre do ano e 6,6% a menos do que no terceiro trimestre de 2007.

Os números publicados hoje são os primeiros resultados trimestrais desde a renúncia do presidente, Serge Tchuruk, anunciada em julho e efetivada em 1º de outubro. Ben Verwaayen sucedeu-o cargo. EFE jaf/jp

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG