Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Airbus e Embraer se destacam na feira aeronáutica britânica

Pedro Alonso Farnborough (Reino Unido), 17 jul (EFE).- Com pedidos avaliados em US$ 40,5 bilhões a Airbus se tornou o grande destaque da Farnborough International Airshow, feira aeronáutica britânica, evento no qual a Embraer também se destacou ao fechar a venda de 22 aeronaves pelo valor total de US$ 825 milhões.

EFE |

No quarto e último dia de contatos comerciais da Farnborough International Airshow, que no próximo final de semana abrirá suas portas ao público neste aeroporto do sul de Londres, o consórcio europeu se congratulou por ter vivido uma das edições "mais bem-sucedidas" do evento.

A Airbus fez um balanço e constatou que alcançou 256 pedidos (247 fechados definitivamente e nove compromissados), número que, na sua opinião, "reflete a força do mercado aeroespacial apesar da incerteza econômica mundial".

A filial do grupo europeu EADS superou amplamente os resultados da edição anterior desta feira aeronáutica, em 2006, quando divulgou 182 encomendas pelo valor de US$ 21,5 bilhões.

Por outro lado, a fabricante americana Boeing anunciou na feira 197 pedidos avaliados em mais de US$ 23,5 bilhões e minimizou a importância dos números da Airbus.

"Não guardamos tudo para a feira (como, segundo a Boeing, costuma fazer a Airbus). Para nós será no final do ano que examinaremos nossas contas e que poderemos comparar quem teve um ano mais brilhante", comentou à Agência Efe Andrew Davis, diretor de comunicação do grupo americano para a Europa.

Seja como for, o Farnborough International Airshow contradisse a maior parte dos analistas que previram que a Airbus e a Boeing alcançariam a duras penas a metade dos cerca de 600 pedidos colhidos conjuntamente no ano passado na Feira de Le Bouget (Paris), o outro grande evento da indústria aeronáutica mundial.

A feira britânica se caracterizou este ano pelo silêncio das companhias aéreas européias e norte-americanas, que chegaram com os bolsos vazios por causa do aumento do preço do petróleo - que na última semana ultrapassou os US$ 147 o barril -, pelo esfriamento das economias ocidentais e pela crise do setor de crédito.

Por outro lado, algumas companhias aéreas do Golfo Pérsico e da Ásia, assim como as empresas de aluguel de aeronaves, que acreditam que muitas linhas aéreas optarão pelo arrendamento para economizar custos, dominaram a atual edição do evento.

A Etihad Airways, companhia aérea estatal dos Emirados Árabes Unidos, que goza de uma ótima condição financeira apoiada na escalada do preço do petróleo, deu o sinal de partida na segunda-feira ao comprar cem aviões da Boeing e da Airbus no maior pedido já feito por apenas uma companhia aérea em Farnborough "A situação da indústria de aviação não pode ser vista em branco e preto. Não é em todas as partes do mundo que a crise está sendo tão sentida como nos Estados Unidos", explicou à Efe o presidente e executivo-chefe de Airbus, Tom Enders.

"Por isto ainda vemos clientes fortes que perseguem planos de expansão agressivos, como no Oriente Médio", declarou Enders ao afirmar que o setor pede aviões mais eficientes no consumo energético por motivos ambientais e de poupança econômica.

Fora os dois "titãs" da aeronáutica também brilhou no evento o grupo canadense Bombardier, terceiro fabricante mundial de aviões, que apresentou a nova aeronave CSeries, que pretende desafiar as aeronaves pequenas da Airbus e da Boeing.

Outra companhia que se destacou foi a brasileira Embraer, que anunciou na última segunda que vendeu 22 aeronaves para a mexicana Aeroméxico, para a austríaca Niki e para a saudita Nas por um total de US$ 825 milhões.

A Farnborough International Airshow, que este ano celebra sua 46ª edição e seu 60º aniversário, recebe até o próximo domingo cerca de 1.500 expositores de 35 países.

Como é tradicional, a feira abrirá no próximo final de semana suas portas ao público, que poderá acompanhar exibições aéreas. EFE pa/fal

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG