SÃO PAULO - O grupo financeiro britânico Lloyds Banking Group anunciou nesta sexta-feira que teve um lucro líquido de 819 milhões de libras (US$ 1,2 bilhão) no ano fiscal de 2008, o que representa uma queda de 75% com relação aos 3,29 bilhões de libras no ano anterior. A empresa de hipotecas HBOS, adquirida pelo banco em outubro do ano passado, também apresentou resultados desanimadores, com um prejuízo líquido de 7,58 bilhões de libras no acumulado do ano, sendo que em 2007 tinha registrado lucro de 3,97 bilhões de libras. Diante deste cenário, o Lloyds afirmou que não espera um 2009 positivo para a empresa.

"Atualmente nós esperamos que as baixas contábeis na divisão de varejo cresçam significativamente em 2009, refletindo amplamente o crescimento do nível de desemprego no Reino Unido e o impacto da queda dos preços das casas", afirmou o diretor do grupo Tim Tookey.

As ações do banco chegaram a cair mais de 20% na bolsa de Londres nesta sexta-feira. Além dos resultados e prognósticos pessimistas, os investidores estão preocupados com o fato de o Lloyds ainda não ter conseguido chegar a uma resposta positiva do governo britânico com relação à sua participação no programa governamental de socorro por meio da compra de ativos tóxicos.

Leia mais sobre balanços

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.