Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Ahmadinejad diz que nova resolução contra Irã acabaria com Obama

Teerã, 9 mai (EFE).- O presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, afirmou hoje que a aprovação de uma nova resolução contra o Irã acabaria com o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama.

EFE |

Teerã, 9 mai (EFE).- O presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, afirmou hoje que a aprovação de uma nova resolução contra o Irã acabaria com o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama. Segundo a agência local de notícias "Mehr", Ahmadinejad fez a declaração hoje diante uma multidão na cidade de Kashan, no centro do país. "Vocês sabem que estas resoluções não afetam ao povo iraniano, já que com a aprovação de cada uma delas nosso povo conseguiu uma nova conquista", disse o presidente iraniano. Ahmadinejad classificou de "inválida" a resolução da ONU que "os países com direito a veto tentam aprovar contra o Irã" e acrescentou que seu país fará tudo para impedi-la. O presidente iraniano afirmou que se Obama quer corrigir "a imagem deteriorada de seu país" no mundo deve corrigir seu comportamento com relação à Palestina, Iraque, Afeganistão e o Irã. "A única oportunidade para os EUA é Obama e a única oportunidade para Obama é o Irã", acrescentou. A comunidade internacional - especialmente os EUA, mais alguns países europeus e Israel - suspeita que o Irã realize atividade clandestina para conseguir armamento nuclear, acusação que Teerã nega. EFE msh/dm

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG