Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Ações das firmas hipotecárias Fannie Mae e Freddie Mac caem cerca de 50%

Nova York - As ações das firmas hipotecárias americanas Fannie Mae e Freddie Mac experimentaram hoje uma queda de quase 50%, cada vez mais afetadas pelas dúvidas que a saúde financeira dos Estados Unidos geram entre os investidores.

EFE |

 

Os títulos da Freddie Mac chegaram a cair hoje 51,25%, uma hora após a abertura das bolsas de Nova York, até US$ 3,90, frente aos US$ 8 do fechamento do pregão anterior.

Já os papéis da Fannie Mae fecharam com queda de 49,39%, nesse mesmo período de tempo, até US$ 6,68 por ação, frente aos US$ 13,20 de quinta-feira.

No meio do pregão, os retrocessos foram contidos e os títulos das duas empresas ganharam parte do terreno perdido nas primeiras horas da jornada.

Assim, Freddie Mac perdia 24,75%, até US$ 6,04, enquanto a Fannie Mae fechava com baixa de 28,86%, até US$ 9,4.

A queda livre das ações das duas empresas hipotecárias fez o secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Henry Paulson, reagir.

Ele transmitiu uma mensagem de calma aos mercados, ao dizer que o Governo americano quer que as gigantes hipotecárias continuem com seu trabalho.

Leia também:

 

Leia mais sobre Bolsa de valores  

Leia tudo sobre: bolsa de valores

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG