Nova Délhi, 13 - A Índia fixou a cota de vendas de açúcar subsidiado no mês de maio em 217 mil toneladas, ante 202 mil toneladas em abril, visando a suprir uma crescente demanda antes da temporada de casamentos, informou hoje uma autoridade sênior do governo. Na Índia, maior consumidor do produto do mundo, o governo federal estabelece a oferta de açúcar tanto no mercado aberto como nas lojas estatais com valores subsidiados para manter os preços sob controle.

Nova Délhi, 13 - A Índia fixou a cota de vendas de açúcar subsidiado no mês de maio em 217 mil toneladas, ante 202 mil toneladas em abril, visando a suprir uma crescente demanda antes da temporada de casamentos, informou hoje uma autoridade sênior do governo. Na Índia, maior consumidor do produto do mundo, o governo federal estabelece a oferta de açúcar tanto no mercado aberto como nas lojas estatais com valores subsidiados para manter os preços sob controle. Mais de 600 usinas indianas fornecem atualmente 20% da produção total a um preço médio de 13,05 rupias por quilo - muito abaixo do valor de mercado de quase 34 rupias por quilo -, para programas assistenciais do governo. As informações são da Dow Jones.
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.