Enquanto a Apple, rival no mercado de smartphones, concentra os esforços no reconhecimento facial, a gigante sul-coreana investe em novos recursos

Brasil Econômico

A Samsung pretende fazer com que seus aparelhos sejam capazes de ler a sua mão em um futuro próximo. A intenção, no entanto, não tem relação com previsões sobre a sua vida amorosa. De acordo com patentes registrados recentemente pela gigante sul-coreana, o objetivo é investir em mais um meio de reconhecimento biométrico.

Leia também: Google investe mais de US$ 3,5 bi e passa a utilizar somente energia renovável

Estaria a Samsung um passo além da principal concorrente?
Divulgação/Samsung
Estaria a Samsung um passo além da principal concorrente?

A tecnologia de reconhecimento de palma da Samsung se juntaria a outras ferramentas existentes, como o reconhecimento facial e as de impressões digitais, além das senhas padrão, códigos PIN e padrões como forma de proteger seu dispositivo.

Os documentos indicam que esta funcionalidade é voltada para fornecer dicas de senha para o usuário, sem desbloquear o telefone.

O arquivamento inclui uma foto que o usuário tira de sua mão e usa as linhas na palma para completar as letras na tela do dispositivo. Essas letras devem fornecer uma dica sutil da senha.

No entanto, a empresa poderia estender os recursos desta função para permitir que as varreduras de palma destravem o dispositivo por completo.

Leitura biométrica

Alguns podem questionar a necessidade de mais uma forma de identificação. A Apple, principal concorrente da Samsung no mercado de smartphones, acabou com todas os recursos de segurança biométricos e se concentrou somente no reconhecimento facial, destaque no iPhone X, último da linha. O uso de biometria, em geral, também é bastante controverso.

Leia também: Criptografia quântica de alta velocidade é futuro da cibersegurança

Embora os recursos possam ser mais seguros e convenientes do que senhas e PINs tradicionais, a tecnologia também possui algumas fraquezas. A impressão digital de uma pessoa pode ser levantada de outra superfície e usada para cortar seu telefone, ou alguém poderia usar o dedo de uma pessoa adormecida para desbloquear seu dispositivo.

Leia também: Veja como uma identificação digital pode facilitar a gestão da sua identidade

O recurso de reconhecimento de palma da Samsung é apenas um projeto. No entanto, com cada novo recurso de segurança em potencial, as empresas precisam garantir que a segurança seja sempre a prioridade. A conveniência não pode superar a segurança em termos de importância para os consumidores.

* Com tradução de futurism.com.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.