O ideal é apostar em setores como alimentação, limpeza e varejo, que atendem ao público durante o ano todo, e não apenas na alta temporada

Brasil Econômico

É possível ganhar dinheiro na praia com franquias que têm produtos e serviços amplamente consumidos no litoral
Shutterstock
É possível ganhar dinheiro na praia com franquias que têm produtos e serviços amplamente consumidos no litoral

A costa brasileira é famosa pelas belas praias que atraem um grande número de turistas. São diversas as oportunidades para quem deseja ganhar dinheiro no litoral. Diferente do que se imagina, não é somente no verão que as empresas conseguem faturar alto. A baixa temporada também possui grande demanda. Serviços de alimentação, varejo e limpeza atendem à população o ano inteiro.

Leia também: Conheça cinco franquias para quem é apaixonado pela culinária brasileira

“O faturamento não diminui mesmo após o término do verão. As casas de veraneio, por exemplo, exigem manutenção e limpeza durante o resto do ano. Por conta do alto número de idosos em cidades com praia, há também muita procura pelo serviço de cuidador de idosos”, comenta Felipe Buranello, sócio-fundador da Maria Brasileira, rede de franquias de multisserviços. Abaixo, confira cinco opções para quem deseja ganhar dinheiro  no litoral.

1) Maria Brasileira

Criada em 2012 na cidade de São José do Rio Preto, interior de São Paulo, possui uma gama de serviços que conseguem ser explorados durante todo o ano. Os serviços de limpeza residencial e de cozinheira são perfeitos para quem aluga casas de temporada e quer aproveitar os dias de folga sem se preocupar com os afazeres domésticos. A Maria Brasileira possui 160 unidades pelo Brasil. Para investir no negócio, é necessário desembolsar cerca de R$ 50 mil e o retorno acontece em até 12 meses.

Leia também: Especialista dá três dicas para manter um propósito no trabalho

2) DNA Natural

Nascida em Florianópolis, em 2007, a DNA Natural é a maior rede de fresh food do país. Atualmente conta com 49 unidades. Com um mix de produtos que vai dos sucos naturais às saladas, passando pelos já famosos wraps, o cardápio conta com opções leves e saudáveis, perfeitos para os dias quentes. Para abrir uma unidade, o empresário deverá desembolsar cerca de R$ 368 mil, o que já inclui a taxa de franquia, instalações e custos operacionais. O tempo de retorno é a partir de 24 meses.  

3) Quiksilver

Criada em 1969 na Austrália, a Quiksilver desenvolve e distribui uma ampla linha de produtos de surfwear, que inclui roupas, calçados e acessórios voltados para homens, mulheres e crianças. Os itens possuem o estilo perfeito para amantes da natureza. Desde 2015, a empresa está com projeto de expansão por franquias. Com lojas que variam de 60 a 100m², a rede permite a escolha de até três marcas (Quiksilver, Roxy e DC Shoes) do grupo para compor o mix de produtos da unidade.

4) Mordidela

A Mordidela, rede que comercializa mini porções de doces e salgados, trouxe para o mercado produtos com baixo ticket médio para atender as necessidades de consumo da população que se alimentam fora de casa. Para dias de calor e diversão na praia, as paletas mexicanas e açaí são as  melhores pedidas. Produtos como coxinha e pão de queijo frito são consumidos em qualquer época do ano. Para ser franqueado da marca, é necessário investir R$ 85 mil que já inclui a taxa de franquia, adequação de espaço e maquinário.

Leia também: Confira as fintechs usadas diariamente, mas que são pouco conhecidas

5) Mercadão dos Óculos

O Mercadão dos Óculos foi criado em 2012 com o objetivo de facilitar a aquisição de armações pelas classes C e D. Devido a incidência alta de raios UV, óculos de sol são os acessórios essenciais para proteger os olhos e a visão, principalmente no verão. Já os óculos de grau são comprados durante todo o ano pelos moradores. Para abrir uma loja do Mercadão dos Óculos e ganhar dinheiro trabalhando na praia, o investidor pode desembolsar valores a partir de R$ 150 mil.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.