O montante representa alta de 87,95% na comparação com igual período de 2016. Cotação menor e período de férias influenciaram o resultado na data

Brasil Econômico

Cotação menor do dólar impulsionou os gastos do brasileiro do exterior, informou o Banco Central
shutterstock
Cotação menor do dólar impulsionou os gastos do brasileiro do exterior, informou o Banco Central


A queda do dólar nos últimos tempos fez com que os gastos dos brasileiros no exterior  somar um avanço na ordem de  87,95 % em janeiro e somar US$1,57 bilhão. Na comparação com o mesmo período do ano passado, o montante foi inferior ao somar US$ 840 milhões, informou nesta sexta-feira (17) o Banco Central.

LEIA MAIS: Empresa surpreende consumidora que teve vestido de noiva roubado

O Banco Central afirmou em comunicado que esse é o maior valor para o mês de janeiro desde 2015, período esse em que os brasileiros gastaram US$ 2,23 bilhões. O resultado positivo em janeiro sofre influência por ser mês de férias, quando as despesas com viagens crescem.

Moeda estrangeira

A cotação do dólar encerrou a quinta-feira (15) em R$ 3,08 em um momento de expectativa pela desvalorização da moeda, que  alcançou a menor cotação desde 18 de junho de 2015, fechando em R$ 3,06. Essa menor valorização da moeda norte-americana influenciou esse gasto maior dos brasileiros no exterior.

No mês passado, o dólar registrou queda de 3,04% e terminou cotado a R$ 3,15. Ao final de janeiro, cada dólar valia cerca de R$ 4. Já em janeiro deste ano apresentou o segundo mês consecutivo de recuo da moeda norte-americana. No ano de 2016, o dólar acumulou desvalorização de 17,69% frente ao real.

LEIA MAIS: Dólar tem valorização e fecha o dia em R$ 3,08

(Essa semana, para controlar a cotação da moeda estrangeira o Banco Central vendeu US$ 300 milhões em contratos de swap cambial tradicional – operações que equivalem à venda de dólares no mercado futuro).

Foi a primeira vez em duas semanas que a autoridade monetária brasileira optou por fazer esse tipo de operação, que reduz a cotação da moeda.  Anteriormente analise feita pelo economista do Insper e fundador da BeeCâmbio, Fernando Pavani apontou  que o dólar teve retração de 3,77% frente ao real no mês de janeiro. A moeda norte-americana fechou o período cotada a R$ 3,128, menor nível desde o mês de outubro.

Estrangeiros

Já os gastos de estrangeiros em viagem no Brasil não variaram tanto do ano passado pra cá. Em janeiro deste ano, as receitas ficaram em US$ 664 milhões, contra US$ 650 milhões registrados em janeiro de 2016, segundo o Banco Central.

LEIA MAIS: Reforma trabalhista não envolve aumento de jornada nem fim do 13º, diz ministro

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.