De acordo com educador financeiro, customização de roupas é uma boa opção para economizar dinheiro com fantasias durante as festas de carnaval

Brasil Econômico

Fazer um orçamento abrangente a ganhos e custos habituais e com custos próprios do carnaval, auxilia na economia do consumidor
iStock
Fazer um orçamento abrangente a ganhos e custos habituais e com custos próprios do carnaval, auxilia na economia do consumidor

 O carnaval está chegando e com ele, muitos planejam viajar, participar de eventos nas cidades e até mesmo descansar. Para isso, é importante que as pessoas analisem suas condições financeiras e utilizem apenas o necessário para que não fiquem endividados ou com o orçamento apertado após o término das festas.

LEIA MAIS: Comércio estima crescimento de até 12% nas vendas para o carnaval deste ano

“Planejar o carnaval com antecedência é um excelente hábito tanto para a saúde física, quanto para a financeira. Assim a pessoa ou família tende a aproveitar o feriado de forma mais consciente, evitando excessos e respeitando o orçamento. Afinal, quem deseja que cinco dias comprometam a vida financeira até o final do ano?”, afirmou o educador financeiro e diretor da DSOP ABC em São Paulo, Edward Cláudio Jr.

Para ajudar o consumidor a economizar no feriado, o diretor da DSOP ABC separou 6 dicas que impactarão no planejamento e no diagnóstico financeiro para o período carnavalesco.

1- Crie um orçamento

Para evitar que o período de festas se transforme em pesadelo, se planeje de acordo com sua condição financeira atual. Procure fazer um orçamento antecipado desses gastos, levando em consideração também seus ganhos e despesas habituais.

2- Economize na fantasia

Caso vá participar de blocos de rua ou festas temáticas, cuidado para não gastar excessivamente nas fantasias, principalmente nas alugadas. Uma boa dica é utilizar as que já têm ou apostar na customização de roupas para incrementar o visual.

3- Planeje viagens com antecedência

Se for viajar, busque pesquisar com antecedência os melhores pacotes e condições de pagamento. Caso seu orçamento esteja comprometido, uma boa opção é se divertir com o que tem e programar as viagens para o próximo ano.

LEIA MAIS: Saiba como economizar dinheiro para viajar

4- Evite o desperdício

Uma opção para quem quer economizar é ficar em casa. Porém, se mantenha atento aos gastos de água, luz e gás. Quando for cozinhar, opte por itens mais frescos e evite o desperdício de alimentos, buscando reaproveitar as sobras para desenvolver novas receitas.  

5- Participe de eventos gratuitos

Em várias cidades há eventos gratuitos e comunitários para toda a família e com programações especiais.  Porém, é importante ficar atento aos gastos com o transporte, gasolina e estacionamento.  Uma boa opção para esses casos é o transporte público ou o compartilhamento de táxi com os amigos.

6- Não gaste mais do que pode

Não se deixe levar pela euforia do carnaval. Por mais que o período seja festivo, mantenha os pés no chão e evite o descontrole financeiro.  Tome cuidado com o consumo exacerbado, seja ele de alimentos, bebidas alcoólicas, festas em casa ou viagens.  Respeite o seu padrão de vida nessa data, para que possa seguir 2017 sem muitos prejuízos no orçamento.

LEIA MAIS: Especialistas ensinam planejamento financeiro e economia doméstica

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.