Período têm aumento na busca por profissionais porque muitas empresas fecham orçamento do ano anterior para abrir novas vagas

Brasil Econômico

Muitos profissionais acreditam que os primeiros meses de cada ano não são bons momentos para se procurar emprego. A ideia de que novas vagas são disponibilizadas somente depois do Carnaval é compartilhada por grande parte do mercado, mas é um engano que deve ser evitado. De acordo com Marcelo Abrileri, presidente da Curriculum Tecnologia, administradora do site curriculum.com.br, os três primeiros meses do ano apresentam crescimento constante na busca de pessoas para concorrer a posições em aberto.

LEIA MAIS: Confira cinco dicas para conseguir o primeiro emprego

Segundo ele, quem deseja procurar emprego  precisa saber que muitas empresas tem seu orçamento fechado em dezembro. Com um novo planejamento em janeiro, novas vagas são abertas e, em alguns casos, continuam disponíveis em fevereiro e março. Também é no início do ano que as companhias traçam metas em busca de melhores resultados que podem exigir o aumento dos postos de trabalho.

Segundo especialista, ao procurar emprego e ser chamado para a entrevista, profissional precisa manter o foco
iStock
Segundo especialista, ao procurar emprego e ser chamado para a entrevista, profissional precisa manter o foco

LEIA MAIS: Cerca de 24% dos brasileiros mudaram de emprego em 2016, diz pesquisa

Apesar de abrirem novas oportunidades, algumas empresas têm dificuldades reais para realizar contratações pela falta de profissionais que ainda não começaram a procurar ativamente e deixam de concorrer em processos seletivos urgentes. Para Abrileri, o período deve ser encarado como uma boa época para encontrar um novo emprego. O especialista ainda dá algumas dicas para quem for chamado para uma entrevista.

A principal recomendação é  manter o foco . Apesar de estarmos no início do ano, quem busca emprego precisa ser persistente e aproveitar o momento para conseguir ser contratado. Nesse período do ano, muitos podem acreditar que não adianta buscar uma oportunidade por conta da escassez. Por isso, vale a pena se concentrar para fazer o melhor.

Abrileri também recomenda evitar procurar uma nova posição pensando somente no salário . "Seria demagogia dizer que a remuneração é o menos importantes, mas o que precisa ficar claro é que, em primeiro lugar, o candidato precisa olhar seu perfil, buscar vagas adequadas à sua experiência e, principalmente, focar nas oportunidades em que possa exercer uma atividade que realmente gosta", afirma. 

Segundo ele, o profissional que realiza uma atividade adequada ao seu perfil tem mais chances de mostrar resultados melhores e, consequentemente, chamar a atenção de seus líderes para concorrer a oportunidades de crescimento dentro da própria empresa. Abrileri ainda lembra que, no momento da entrevista, a confiança é importante. Afinal, se você foi chamado para a entrevista, é capaz de exercer a atividade. No entanto, é preciso saber separar a autoconfiança com falta de humildade.

LEIA MAIS: Confira três dicas para se tornar um profissional mais eficiente

O especialista diz ainda que a melhor dica ao procurar emprego é ser você mesmo e conseguir a oportunidade pelos seus próprios méritos. "Na hora da entrevista não queira parecer o que não é pensando que assim irá agradar ao entrevistador que, muitas vezes, pode ser o seu futuro chefe. Isso porque, caso seja contratado, não conseguirá manter por muito tempo o personagem que criou na hora da entrevista", afirma Abrileri.