Redução em lazer foi maior na região Norte (52%) e menor na região Sudeste (36%); classes A/B foram as que mais reduziram

Lazer é primeiro item cortado do orçamento - especialmente por mulheres e por classes A/B
SXC
Lazer é primeiro item cortado do orçamento - especialmente por mulheres e por classes A/B

O lazer foi o principal alvo do corte de gastos dos consumidores para ajustar o orçamento doméstico, segundo a Pesquisa nacional da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). Do total de entrevistados, 39% fizeram esta economia, seguida pela redução nas contas de consumo como água, luz, gás, telefone etc, 18%, e em terceiro lugar veio a economia na alimentação (15%).

Os gastos com lazer foram os de maior redução em todas as regiões, de acordo com a pesquisa. A porcentagem maior foi no Norte (52%) e em seguida no Nordeste (50%), Centro-Oeste (42%), Sul (38%) e Sudeste (36%).

As classes A/B foram a que mais reduziram as despesas com lazer, com 62% dos entrevistados. Depois apareceram a classe C (42%) e as classes D/E (34%).

A redução de despesas com lazer foi maior entre as mulheres (41%) do que entre os homens (39%).

O levantamento da Boa Vista SCPC foi realizado entre 2 e 23 de fevereiro em todas as regiões do País.

Dicas para comprar mais barato e escapar da crise

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.