Anvisa proíbe venda de medicamentos contra dependência química

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Agência disse que os compostos não possuem identificação do fabricante, registro, notificação ou cadastro

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) determinou a suspensão de diversos produtos contra dependência química. Quelanol, Spartequim, Renovy, Complexo EFX Blocker e Becalm são medicamentos que prometem combater os efeitos do álcool no organismo, controlar o desejo do consumo de substâncias psicoativas e bloquear o efeito de drogas como cocaína e crack.

Compostos prometem inibir o desejo de consumir álcool e outras drogas
freeimages / divulgação
Compostos prometem inibir o desejo de consumir álcool e outras drogas

Comercializados pela empresa EAB Brasil Diagnósticos Representação, os itens não possuem identificação do fabricante. Além disso, não há registro, notificação ou cadastro na Agência. Com a suspensão dos itens, a Anvisa determinou também a apreensão e inutilização dos produtos divulgados pelo site www.testardrogas.com.br

A medida foi publicada na edição desta sexta-feira (15) do Diário Oficial da União (DOU), e tem validade imediata.


Leia tudo sobre: anvisa

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas