Gasto com bebidas deve crescer 15% em 2012, diz Ibope

Os brasileiros devem gastar R$ 17,75 bilhões em bebidas até o fim do ano e as classes B e C responderão por mais de 80% do consumo

Agência Estado |

Agência Estado

Os brasileiros devem gastar R$ 17,75 bilhões em bebidas até o fim do ano, segundo a Pyxis Consumo, ferramenta de potencial de mercado do Ibope Inteligência. O montante representa um crescimento de 15% em comparação ao registrado em 2011.

Segundo o levantamento, que engloba gastos com água, refrigerante, suco, refresco, cerveja, vinho, champanhe e destilados, a classe B, que corresponde a 24,45% dos domicílios, será a maior compradora, respondendo por 42,65% do total (R$ 7,57 bilhões). A classe C aparece na sequência, com 40% do consumo (R$ 7,11 bilhões), seguida da classe A, com 10,18% (R$ 1,81 bilhão). A menor parcela é das classes D e E, responsáveis por 7,10% (R$ 1,26 bilhão) do consumo.

O Sudeste será responsável pela metade do consumo do País, com estimativa de gasto de R$ 117,57 per capita ao ano. A segunda região que mais comprará é a Sul, responsável por 18,34% do consumo, mas com gasto per capita maior: R$ 138,72. O Centro-Oeste também apresenta gasto por pessoa maior do que o Sudeste: R$ 120,22, mas com apenas 8,64% do consumo nacional.

O menor consumo está na região Norte, com apenas 6,26% do total e gasto de R$ 92,90 por pessoa. O Nordeste tem o menor valor de consumo por pessoa: R$ 75,41, mas com 16,72% do potencial de consumo do País.

Leia tudo sobre: ECONOMIA

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG