Dados foram divulgados pelo Eurostat, o escritório estatístico do bloco econômico

EFE

O desemprego na zona do euro e no conjunto da União Europeia (UE) se manteve estável em agosto e continua em máximos históricos, segundo os dados proporcionados hoje pelo Eurostat, o escritório estatístico do bloco.

O Eurostat informou que o desemprego na eurozona foi de 11,4% em agosto, enquanto nos 27 países da UE ficou em 10,5%, os mesmos dados de julho. Na Espanha, que tem a taxa de desemprego mais alta da UE, o desemprego aumentou um décimo em agosto, para 25,1%. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.