Índice de preços ao produtor sobe 0,53%, aponta IBGE

Até o mês passado, o IPP acumula altas de 5,59% no ano e de 7,53% em 12 meses

Agência Estado |

Agência Estado

O Índice de Preços ao Produtor (IPP) registrou alta de 0,53% no mês de agosto ante julho, informou, nesta sexta-feira, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A taxa de julho foi revisada de uma alta original de 0,54% para um aumento um pouco menor, de 0,50%, em relação a junho. Até o mês passado, o IPP acumula altas de 5,59% no ano e de 7,53% em 12 meses.

Assim como em julho, em agosto houve aumento de preços em 16 dos 23 setores da indústria de transformação que compõem o IPP.

Os setores que tiveram maior impacto de alta no indicador do mês passado foram o de alimentos (0,41 ponto porcentual), refino de petróleo e produtos de álcool (0,08 ponto porcentual) e metalurgia (0,06 ponto porcentual).

Já a principal contribuição negativa veio de outros produtos químicos (-0,16 ponto porcentual).

As maiores variações positivas registradas no mês passado foram nos preços das atividades industriais de alimentos (2,04%), confecção de artigos do vestuário e acessórios (1,87%) e perfumaria, sabões e produtos de limpeza (1,19%).

A maior variação negativa se deu em outros produtos químicos (-1,50%).

Leia tudo sobre: ECONOMIAproduçãoIBGE

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG